O amor e o HIV dão as mãos nas páginas de Pílulas Azuis

Pílulas Azuis-capa

por Cassiano Rodka

Na cidade de Genebra, um quadrinista encontra uma garota que o faz se sentir vivo novamente. Como todo novo amor, ele transforma o mundo ao redor e faz a vida valer a pena. Mas há algo com o qual ele não contava: sua amada possui HIV.

A graphic novel de Frederik Peeters narra a história verdadeira do seu encontro com Cati, sua atual esposa, e toda a jornada emocional que os dois passaram para aprender a viverem juntos. O texto é leve e realista, e o traço de Peeters é simples e preciso nas intenções, alternando diálogos corriqueiros e monólogos aprofundados com belas cenas de puro silêncio.

Pílulas Azuis-PartituraDesafinada.jpg

De forma poética e objetiva, “Pílulas Azuis” nos convida a acompanhar vários momentos íntimos entre os dois personagens. Há épocas de dúvidas e certezas, medo e segurança, alegrias e tristezas, ilustrando vários altos e baixos do cotidiano do casal, sem papas na língua na hora de mostrar as verdades de sua história. Ao mesmo tempo em que Frederik Peeters mostra as dificuldades em se conviver com a doença, ele desmistifica o monstro que as pessoas ainda enxergam ao se falar no vírus. Isso acontece principalmente sob a lente do personagem tranquilo e debochado do médico, que sempre surge para informar e firmar os pés do casal no chão.

Além dos protagonistas, nós somos apresentados também ao filho de Cati, também soropositivo. Através do pequeno, observamos as dificuldades não só de encarar a doença com pouca idade, mas também de lidar com o divórcio e a entrada de um padrasto em sua vida.

“Pílulas Azuis” é uma leitura deliciosa e cativante que se destaca pela sinceridade na hora de tratar de um assunto tabu, uma obra que nos lembra da força que o amor tem quando desafiado pelos mais diversos obstáculos.

pilulas-azuis.jpg

Um comentário sobre “O amor e o HIV dão as mãos nas páginas de Pílulas Azuis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s