Literatura

Só
imagem: José Calimero
“Enquanto não atravessarmos a dor de nossa própria solidão, continuaremos a nos buscar em outras metades. Para viver a dois, antes, é necessário ser um.”
Fernando Pessoa
 
Assim quero a mim mais que a ti.
Apesar de te procurar nos livros, nos discos, nas frases soltas, nos sabores, nos bares e becos.
É a mim que eu encontro.
Eu sangro sempre que caminho na tua minha direção.
Mas a busca por ti passa necessariamente pela minha própria estrada.
Quero ser um, e só depois estender a ti minha mão.
Vou só, como não é mais o costume,
Vou só, pois assim meus olhos se abrem para dentro de mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s