Literatura

Lemniscata

imagem: Cassiano Rodka

o infinito tem um nome⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
isento de exclamações:⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
te quero de todas as formas⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
sem que nenhuma tenhas.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
desenhada em vastos segredos,⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
pedaços teus inabalados.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
no que te tenho hoje, ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
não sei se é real.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
mas é único.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
único em minha essência, porém ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
cindido em dois.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
nego qualquer forma de rebeldia, ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
mas sei que algo pulsa,⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
de fato. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: