Literatura

Maternar – Parte II

Foto: Isabel Dall’Agnol

Meu corpo é⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
morada.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E os meus braços ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
também.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Meu útero é ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
ninho.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E o meu colo⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
também.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Caminho em ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
desafio.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Sou ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
transformação.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Estou em ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
revolução.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Ainda que difícil ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
encontrar-me⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
em espelhos.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Encontro-me em⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
sorrisos.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E abraços.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E palavras.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E nos pés,⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
que abrigo ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
no ventre.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Não sinto ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
privação.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Pois, em meio ao caos⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
e à exaustão, sinto ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
a força e o orgulho.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Sinto-me ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
bonita.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Sinto-me ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
transbordando.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Amor.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Vida.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Liberdade.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Uma escolha.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Minha.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Acertada.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Meu corpo é ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
morada.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Meus braços⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
um ninho.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Multiplico⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
vidas. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
E as acompanho,⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
as norteio. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Estou em ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
aventura.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Estou em ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
expansão.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Estou livre de ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
qualquer prisão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: